Indústria de alimentos e bebidas tem posição de destaque na economia

Setor é responsável por 9,6% do PIB brasileiro e por processar 58% de toda a produção agropecuária do país

Por Divino 26/06/2019 - 19:16 hs

A indústria de alimentos e bebidas tem se mostrado um item estratégico na economia brasileira, segundo afirmou Marco Basso, que é presidente da Informa Markets, em um artigo publicado no portal especializado CarneTec Brasil.

De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (Abia), esse setor é responsável por 9,6% do PIB brasileiro e por processar 58% de toda a produção agropecuária do país.

“Em primeiro lugar, a indústria de alimentos e bebidas sabe como ninguém responder com agilidade a novas regras e legislações, assim como às demandas dos clientes. Todos os anos uma imensidade de novos alimentos, ingredientes e soluções surgem nas prateleiras como respostas às principais tendências de mercado e ao novo comportamento do consumidor. Foi assim com a questão da saudabilidade com os alimentos diet, light e fit e, mais recentemente, com a crescente busca por opções vegetarianas, veganas, sem glúten e sem lactose, por exemplo”, escreveu.

Além disso, ele afirma que existem muitas outras questões que colaboram para que essa indústria se desenvolva e se torne cada vez mais importante, como a alta capacidade de inovação e o comprometimento com o investimento em tecnologias, maquinário e soluções. “Novas opções de produtos não surgem do nada e é preciso coragem para arriscar e inovar. Extremamente engajado, o segmento busca não apenas responder a sua cadeia de clientes, mas entender profundamente seu público e as tendências de mercado, antecipando demandas e criando necessidades. Ao mesmo tempo em que investe em estruturas completa, atuais e capacitadas”, completa.